Pet humanização da saúde

A nossa relação com os animais de estimação está cada vez mais próxima,  e a tendência de humanizá-los traz diversos riscos à sua saúde, principalmente quando o assunto envolve doenças e tratamentos.
O problema é que o tal medicamento, inofensivo e eficaz para os seres humanos, pode ser fatal para o seu pet.
Então por que não devemos dar remédios de humanos para animais?
Existe uma série de razões para você não dar os medicamentos fabricados para uso humano aos seus animais de estimação e a  explicação mais rápida é que simplesmente esses remédios não foram desenvolvidos para eles.
Hoje, muitos sofrem com doenças que nos acometem também, como diabetes, pressão alta, colesterol elevado, câncer e complicações renais.
Também é comum que as pessoas pensem que, por sermos todos animais (mamíferos, ainda por cima, como cães, gatos e coelhos), não haveria problema em administrar medicamentos de uso humano nos pets.
As medicações foram desenvolvidas levando em consideração os sintomas observados nas pessoas, bem como o nosso metabolismo e as reações adversas que podem causar no nosso organismo.
Isso quer dizer que os mecanismos de ação, liberação, absorção e eliminação dos medicamentos são muito diferentes nos animais de companhia em comparação aos nossos.
Se a automedicação já é bastante problemática para a gente, você consegue imaginar o mal que pode ser causado aos animais que recebem remédios sem a devida prescrição de um médico-veterinário?
Em muitos casos, dependendo do tipo de remédio e da espécie do pet que o toma, a primeira dose pode ser desastrosa, então tenha sempre cuidado e procure sempre um Veterinário.

Deixe um comentário