Risco de ingestões perigosas

Um dos motivos para que os casos de intoxicação por plantas sejam bem comuns nas clínicas veterinárias é o fato de algumas das plantas mais comuns para apartamentos, como as jiboias, serem tóxicas.
Existem, ainda, outras plantas venenosas que, embora não sejam cultivadas dentro de casa com tanta frequência, são bastante comuns nas ruas ou jardins.
Sintomas da intoxicação por plantas:
Cavidade oral:
irritação local (língua, boca e garganta).
Sistema digestório:
sialorreia (produção excessiva de saliva), náusea, vômito, desconforto abdominal e diarreia.
Sistema nervoso:
tremores, convulsão e ataxia (perda de coordenação).
Sistema cardiorrespiratório: arritmia, taquipnéia e dispneia.
Sistema Hepático:
icterícia, coagulopatia e encefalopatia.
O problema é que, mesmo plantas não venenosas podem gerar problemas quando ingeridas pelo pet.
Dependendo da quantidade, elas podem causar vômito e diarreia.
Para não ter que abrir mão de ter plantinhas em casa, a dica, no caso dos cachorros, é mantê-las em lugares altos, como em cima de móveis, ou em suportes de parede.
Outra opção é fazer o uso de sprays com gosto ou cheiro repelentes para os pets.

Oncolog Medicamentos Especiais

Deixe um comentário